Como o seu filho pode ajudar nas tarefas domésticas? Dicas + Tabela de atividades por idade

7 minutos para ler

Embora tenham só dois filhos, Renata e Pedro costumam dizer que lidam com a bagunça de um exército. Os pequenos, dois meninos de 10 e 12 anos, são, como pede a idade, muito ativos. 

Apesar de frequentarem a escola, o tempo livre que os resta é suficiente para “virar a casa do avesso” – para desespero dos pais que, além das tarefas domésticas, também trabalham fora. 

Ao mesmo tempo em que se estressam com tanta desordem, entendem que os filhos possuem muita energia para gastar e, dentro de uma apartamento, estavam, de certo modo, privados de atividades ao ar livre.

Renata e Pedro buscaram orientações para melhor conduzir a situação em casa. 

Por fim, decidiram que, se não podiam impedir a bagunça, poderiam pelo menos orientar os pequenos a ajudar nas tarefas domésticas para que os pais não fiquem tão sobrecarregados. 

Além disso, ensinar os filhos a ajudar nas tarefas domésticas pode desenvolver habilidades essenciais para o desenvolvimento de um adulto mais organizado e responsável. 

Neste artigo, vamos trazer à tona essa discussão com dicas e uma lista completa de atividades para diferentes faixas etárias. Confira:

Por que é importante que os filhos ajudem nas tarefas domésticas

É importante dar crédito às crianças. Elas são pequenas, mas aprendem rápido. 

Ajudar nas tarefas domésticas é uma ótima maneira de fazer com que elas, desde cedo, compreendam o que é preciso fazer para cuidarem de si mesmas, da casa e da família.  

A partir desses pequenos compromissos, as crianças passam a desenvolver habilidades para se relacionar com outras pessoas – uma comunicação clara, a arte de negociar e, talvez o mais importante de tudo, como trabalhar em equipe. 

Podem se sentir responsáveis, competentes e úteis. 

Mesmo que seja uma tarefa simples como guardar os próprios brinquedos, os pequenos aprendem que têm responsabilidades e deveres, e que algumas atividades precisam ser feitas – mesmo que eles não gostem de fazê-las.

Estabelecer um entendimento de que, em uma família, cada um tem de fazer a sua parte é benéfico para a criança. 

A criança levará esse ensinamento para a vida, aplicando-o à vivência em sala de aula e, mais tarde, ao mercado de trabalho.

Meninos, em especial, devem ser incentivados para que aprendam, desde cedo, que cuidar da casa não é tarefa exclusiva de mulher. O pai deve dar o exemplo. Responsabilidade não é questão de gênero.

Abaixo, listamos algumas tarefas domésticas que podem ser atribuídas a crianças e a adolescentes, de acordo com a faixa etária. Confira:

Tabela de tarefas domésticas para os filhos (crianças e adolescentes)

2 a 3 anos 

  • Recolher brinquedos
  • Guardar sapatos
  • Colocar a roupa suja no cesto
  • Jogar fraldas no lixo
  • Dobras panos e toalhinhas

4 a 5 anos

  • Ajudar a dar banho no cachorro
  • Separar o lixo
  • Guardar e organizar brinquedos
  • Regar as plantas
  • Arrumar a cama 
  • Organizar livros na prateleira

6 a 7 anos

  • Dobrar as roupas
  • Varrer o chão
  • Lavar louças simples
  • Limpar o quarto
  • Lavar o quintal
  • Colocar e limpar a mesa

8 a 9 anos

  • Lavar a louça
  • Passar aspirador de pó
  • Preparar lanches
  • Colocar o lixo para fora
  • Recolher e pendurar roupas do varal
  • Tirar a poeira
  • Limpar o jardim
  • Ajudar a preparar refeições

10 a 12 anos

  • Ajudar a cuidar dos irmãos
  • Cozinhar o básico
  • Limpar a cozinha
  • Lavar roupas simples
  • Lavar o carro

13 anos ou mais

  • Fazer compras no mercado
  • Cozinhar refeições
  • Lavar o banheiro
  • Passar roupa

Vale ressaltar que essa tabela de tarefas domésticas para os filhos é uma sugestão

Cada criança é única e os pais e mães sabem reconhecer quais são as atividades que os filhos são capazes de executar. 

caminhos educacionaisPowered by Rock Convert

Também é importante deixar claro que os pequenos devem ser sempre supervisionados, principalmente quando fizerem atividades que envolvem o fogão, por exemplo, ou outro tipo de tarefa que possa apresentar algum risco. 

Como incentivar os filhos a ajudar?

Crianças são crianças. Não possuem o mesmo entendimento de um adulto, então, é possível que não entendam exatamente qual a tarefa que devem executar, ou que cometam erros. E deixar que elas errem é importante! 

A criança gosta de participar. Se ela vir a mãe varrendo a casa, provavelmente vai querer imitar. Permita que ela aprenda, e que acerte tentando. 

Respeite a idade da criança e dê tarefas que ela seja capaz de executar (mesmo que erre nas primeiras vezes). Elogie o que ela conseguiu fazer para incentivar que siga tentando. 

Quanto mais clara for a percepção da criança de que as tarefas devem ser cumpridas por todos os membros da família, mais ela vai querer participar. Isso estimula o sentimento de pertencimento. 

Para motivar a criança, você pode fazer a tarefa junto com ela, até que ela se sinta capaz de fazer sozinha. Não permita que ela desista! 

Persistência também é uma das habilidades que podem ser ensinadas aos pequenos. Também é interessante mostrar como aquela ajuda foi útil e importante para a família. 

As crianças com mais de seis anos, por exemplo, também podem palpitar e, ocasionalmente, decidir quais tarefas gostam mais de fazer. 

É importante ouvi-las para mostrar que a opinião delas é respeitada. 

Para o caso de irmãos, também pode ser saudável deixar que eles decidam entre eles quem prefere executar tal tarefa, desde, claro, que não deixem de fazê-la.

Ajudar nas tarefas domésticas pode ser uma excelente forma de desenvolvimento

Pode parecer simplesmente uma forma de conseguir uma ajudinha para administrar as tarefas diárias, mas estimular que as crianças e os adolescentes ajudem nas tarefas domésticas traz muitas vantagens além da mais imediata, que é a redução de trabalho feito pelos adultos. 

Mesmo que o pai e a mãe tenham de corrigir ou refazer o que foi feito pela criança, os benefícios superam um possível retrabalho. 

A criança desenvolve noção de trabalho em equipe, de responsabilidade e de autoconfiança, de planejamento e de administração do tempo. 

Também faz com que irmãos, quando é o caso de mais uma criança, possam se ajudar e criar vínculos.

Quando o pequeno é recompensado – com mais tempo para brincar ou para usar o celular, por exemplo -, aprende que o esforço e a dedicação valem a pena.

Além disso, boa parte dos adolescentes e dos jovens adultos só percebe como dá trabalho cuidar da casa quando deixa de morar com os pais. 

Neste momento, fica claro que, se você  não lavar a louça ou não descongelar o frango para o almoço do dia seguinte, ninguém fará isso por você. 

Estimular a participação das crianças, desde pequenas, na organização do lar também é uma maneira de reduzir esse impacto que indubitavelmente ocorre na vida adulta. 

Os pequenos podem se transformar em jovens já mais preparados para a vida adulta, com noções de limpeza, de organização, de planejamento financeiro e até de como se virar na cozinha.

Posts relacionados

Um comentário em “Como o seu filho pode ajudar nas tarefas domésticas? Dicas + Tabela de atividades por idade

Deixe um comentário